SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 número17Compromisso organizacional em escolas secundárias públicas e privadas no estado de Chihuahua, MéxicoDesenvolvimento de uma escala de mensuração de habilidades metaacadêmicas para crianças de 4º, 5º e 6º ano índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


RIDE. Revista Iberoamericana para la Investigación y el Desarrollo Educativo

versão On-line ISSN 2007-7467

Resumo

OLVERA ALDANA, Miguel; PEREZ TREJO, Leonor; MENDEZ SANCHEZ, Arturo Fidencio  e  RAMIREZ DIAZ, Mario Humberto. Interação entre físicos e professores de pré-escola para desenvolver padrões científicos. RIDE. Rev. Iberoam. Investig. Desarro. Educ [online]. 2018, vol.9, n.17, pp.741-768. ISSN 2007-7467.  http://dx.doi.org/10.23913/ride.v9i17.404.

Este artigo abordou dois problemas na entrega da ciência nos níveis básicos no México. Por um lado, a falta de um processo metodológico que permita aos professores desse nível abordar as linhas de trabalho que são propostas ambiguamente; por outro lado, o problema que os professores têm neste nível para expressar adequadamente os conceitos. Como estudo de caso, analisou-se o nível pré-escolar, pois é a primeira vez que uma criança tem contato com essa área do conhecimento de forma formal, e para isso foram utilizados tópicos específicos da física.

Este artigo mostra os resultados da interação entre físicos e professores de pré-escola, dando uma microtaller com a intenção de gerar uma ideia clara dos fenômenos estudados. Vários instrumentos e indicadores de avaliação foram utilizados. No caso do conhecimento adquirido pelos professores da pré-escola, uma rubrica foi concebida com base nos níveis de realização contemplativa, reprodutiva e produtiva dos produtos da carteira de evidências gerada na oficina. No caso da opinião dos professores de pré-escola sobre a utilidade da oficina para o seu ensino, uma rubrica foi desenhada com base nos níveis de satisfação em itens da oficina, como os conteúdos, conhecimentos e estratégias utilizadas. Por meio de entrevistas clínicas, a opinião sobre a interação entre os dois grupos foi estudada. Todos os instrumentos utilizados são de natureza qualitativa, dado o perfil da pesquisa. Observou-se que, como resultado da oficina, os professores de pré-escola chegaram a uma linguagem formal para os diferentes sujeitos de física que foram desenvolvidos, formularam hipóteses para a explicação dos fenômenos estudados e utilizaram analogias da vida cotidiana, atingindo níveis de aprendizagem reprodutiva além do nível produtivo ou apenas contemplativo. Por fim, a interação alcançada foi expressa como positiva entre os dois grupos, de tal forma que enriqueceu o trabalho profissional mútuo, um exemplo disso é o interesse de ambos os grupos em continuar e aprofundar com essas atividades.

Palavras-chave : educação pré-escolar; educação física; formação de professores.

        · resumo em Espanhol | Inglês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )