SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 número150The entry of foreign banks into latin America: a source of stability or financial fragility?Las transformaciones institucionales en la producción y comercialización internacional del café en el siglo XX e inicios del XXI índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

  • Não possue artigos similaresSimilares em SciELO

Compartilhar


Problemas del desarrollo

versão impressa ISSN 0301-7036

Resumo

LECHUGA MONTENEGRO, Jesús  e  BUSTAMANTE TORRES, Jorge. "Marcas" o "monopolio del conocimiento": la naturaleza del trabajo en la nueva economía. Prob. Des [online]. 2007, vol.38, n.150, pp.73-106. ISSN 0301-7036.

O propósito deste estudo é analisar, da perspectiva da teoria objetiva do valor, como o predominio do trabalho complexo -entendido como conhecimento- gera monopólios. Esse conhecimento permite que as empresas realizem inovações que se manifestam em forma de direitos de propriedade (intangíveis) que permitem concentrar um maior segmento de mercado. Também se explica por que as marcas e os direitos de propriedade sao pontos clave na diferenciação do produto (know how) em estruturas monopólicas, reafirmando que no processo produtivo atual o conhecimento conforma uma fonte de poder na valorização do capital, num contexto no qual de maneira relevante o trabalho físico (simples) tem uma menor ponderação que o trabalho intelectual (complexo). Além disso aprofunda nas características particulares dos intangíveis em termos de valor.

Palavras-chave : Intangíveis; Trabalho complexo; Trabalho produtivo; Direitos de propriedade; Diferenciação do produto.

        · resumo em Espanhol | Inglês | Francês     · texto em Espanhol     · Espanhol ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons